Receber um hóspede de pelos longos requer um cuidado especial para mantê-lo sadio e livre de nós. Reunimos algumas dicas e informações importantes para você antes de aceitar hospedar um cachorro que demande essa atenção.

Os pelos são muito importantes para a proteção e aquecimento do animal. E, claro, mantê-los arrumados, limpos e livres de nós, deixa o cachorro com um aspecto mais bonito, e o cliente satisfeito com o serviço oferecido.
Além disso, a escovação regular e higienização adequada do hóspede traz vantagens não apenas para a aparência dele, pois pentear o pelo do cachorro ajuda a manter sua casa com menos pelos!

Cachorros de pelo longo: cuidado dobrado!

Antes de aceitar a hospedagem de um cachorro que demande esse cuidado extra com os pelos, pense se você poderá cuidar dele de acordo com a necessidade da raça e desejo do tutor. Estão nessa lista cachorros das raças shih tzu, yorkshire, lhasa apso, maltês, poodle, samoieda, chow chow e etc. Você terá tempo de escová-lo e poderá devolvê-lo da mesma maneira que recebeu? Só aceite se responder “sim” para ambas as perguntas.

Cachorros peludos precisam ser penteados regularmente. Já os que possuem pelos compridos, precisam que esse cuidado seja diário, evitando que o pelo fique com nó ou embolado. Os nós são prejudiciais para o cachorro porque podem danificar sua pele sensível.
Por isso, separe um momento do seu dia para pentear todo comprimento do pelo do cachorro, da cabeça até o rabinho. E cuidado na intensidade da escovação para não machucar o hóspede.

Assim que se deparar com a solicitação de hospedagem de um cachorro peludo, pergunte a rotina do pet e peça que o tutor deixe com você todos os materiais necessários: escova, produtos de beleza e higienização (xampú e eventuais cremes), e lacinhos (caso o hóspede faça uso). Confira também se há alguma solicitação especial no cuidado com o cachorro.

Risco de avaliação negativa

Ao entregar o pet com o pelo sedoso e desembaraçado, o cliente espera recebê-lo da mesma maneira (ou melhor!). Devolver o cachorro com grandes nós, ou todo bagunçado, dará a impressão de que não foi bem cuidado. Por isso, só aceite a hospedagem se tiver tempo para cuidar do cachorro.

Atenção extra também no momento de colocar a coleira para o passeio, para que não haja o risco de prender o fecho no pelo, ou até mesmo pegar a pele do cão pois poderá machucá-lo. Depois do passeio, lembre-se de penteá-lo, impedindo que fique algum nó.Se com o passar do tempo você identificar que o cachorro está perdendo mais pelos que o de costume, avise o cliente. Isso pode indicar uma alergia ou falta de nutrientes e deve ser um ponto de atenção.

Caso o cliente não receba o cachorrinho dele da maneira que espera, seja porque o cão está sujo, seja porque está com os pelos zoneados ou com nós, ele pode ter uma experiência não tão positiva e isso pode acarretar em uma avaliação negativa ao seu perfil de Anfitrião.Por isso, lembre-se de seguir à risca as orientações dadas pelo cliente, e o informe caso encontre qualquer irregularidade, como pulgas e carrapatos, por exemplo.

Zelar pela aparência, saúde e segurança do hóspede faz parte da rotina de um Anfitrião e dá a confiança necessária ao cliente de que seu aumigo está seguro e em boas mãos!

2 comments

  1. Com certeza,zelar pela saúde do per,escovar os pelos todos os dias para que não fiquem com nós é muito importante,pescoço os pelos da minha York todos os dias

  2. Com certeza, sempre é importante zelar pela aparência e higiene do cão. Sempre penteio o pet e higienizo suas patas e partes íntimas após um passeio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*