Todos os petiscos podem ser oferecidos ao hóspede? Existe algum petisco proibido para animais? É possível fazer petiscos saudáveis em casa? Confira 🙂

Petiscos são grandes aliados dos Anfitriões. Eles são recompensas que ajudam a distrair o animal ou recompensá-lo quando se comportar bem. Mas é necessário ter cuidado com o snack escolhido: alguns podem não fazer bem ao hóspede. Assim como os humanos, cachorros são diferentes um do outro e têm necessidades individuais.

Alguns petiscos naturais para cães não apresentam riscos e, se usados sem exagero, ajudam na saúde do peludo. Se você não quer economizar nos agrados, confira essa lista de snacks naturais – e saudáveis! – para o pet:

Frutas, legumes e sementes

Há uma grande variedade de frutas, legumes e sementes que podem ser dadas aos cães.

Ótimas opções

  • Caqui
  • Batata doce (sempre cozida)
  • Maçã
  • Banana
  • Tomate
  • Couve-flor
  • Amendoim (sem sal ou açúcar)
  • Manga
  • Abóbora
  • Nozes
  • Melancia

Atenção: sempre retire cascas e todas as sementes, pois muitas são tóxicas e podem fazer com que o cãozinho se engasgue. Lembre-se também de que nada pode ser dado em excesso: pequenas quantidades desses alimentos são suficientes para dar nutrientes ao seu peludo e deixá-lo feliz!

Proibidos

  • Carambola
  • Cebola
  • Pimenta
  • Uva
  • Abacate
  • Chocolate
  • Macadâmia

Petiscos prontos

Outra opção é procurar por petiscos naturais vendidos em petshops. Hoje em dia existem diversas marcas que produzem “ossinhos” feitos apenas de partes animais desidratadas ou ossos mesmo, materiais que não fazem mal ao pet.

Esses ossinhos naturais são seguros e substituem os ossos brancos de couro bovino (que soltam pedaços e têm alvejantes químicos perigosos). Além de estarem se popularizando em petshops físicas, também são facilmente encontrados em lojas online.

Receitas de petiscos caseiros

Se preferir, você mesmo pode fazer petiscos para o seu cãozinho! Existem opções de petiscos naturais para fazer em casa mesmo. Alguns sites ensinam receitas seguras para cães se deliciarem com os mais diversos tipos de snacks. Várias dessas receitas você pode até mesmo provar – muitas parecem deliciosas! – e substituem os petiscos industrializados.

Lembre-se de que os snacks devem ser dados com moderação e que é indispensável pedir autorização do tutor antes de alimentá-lo com algo diferente da ração. Se tudo for feito com cuidado, seu hóspede vai ficar muito mais feliz na hora do petisco – e você bem mais tranquilo!

O hóspede pode comer os petiscos?

Antes de oferecer o petisco para o hóspede, peça autorização ao tutor. O cachorro pode não gostar de petiscos, ou ter intolerância a algum dos ingredientes utilizados. Caso os petiscos façam parte da rotina do animal, você pode pedir que o tutor deixe-os com você junto aos demais pertences do hóspede.

Lembre-se também de não exagerar ao dar o petisco pro cachorro porque pode não ser saudável. 🙂

Total
1
Shares

10 comments

  1. Costumo dar cenoura sem casca. Corto em tiras pequenas. 1/4 de uma cenoura em dias alternados para nao sobrecarregar a dosagem de vit.A e hipercarotemia

  2. Somos adeptos da AN Cozida, então toda semana faço biscoitos com produtos naturais…Sempre quando estou com hospedes peço autorização ao tutor para oferecer ao doguinho, eles adoram!

  3. Muito bom, a cada leitura do DogHero gosto mais das informações passadas.
    Com os nossos Pets é uma coisa já com os hóspedes o cuidado deve ser redobrado.

  4. Muito bom essas informações
    Eu já costumo oferecer frutas do tipo maçã mamão e melancia, e também cenoura aos meus hóspedes mas é claro quando os tutores permitem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*